ABERTURA PARA O NOVO

Saul Brandalise Jr., em seu artigo no STUM trata sobre a importância do respeito nos relacionamentos. O respeito implica em aceitar que, mesmo olhando para a mesma coisa um possa ver dados diferentes do outro. "Não é porque olhamos para o mesmo lado e vemos coisas diferentes que não podemos andar juntos. Esta, para mim, é a ciência de uma vida com respeito e amor. Na realidade todos buscamos uma única coisa nas pessoas com as quais nos relacionamos: Respeito".
Respeito é considerada por ele a "palavra chave, neste momento atual e por mais alguns anos". 

Respeito a quê? "Respeito à nossa individualidade. Respeito ao tamanho de nossa evolução. Respeito aos nossos valores de Fé. Respeito às nossas manias. Respeito à nossa maneira e forma de encararmos os estudos. Respeito ao nosso silêncio. Respeito aos nossos gostos. Respeito à nossa forma de amar. Respeito amplo e profundo ao que somos agora". E respeitar ao que somos agora não significa que não possamos crescer e inclusive mudar, porque a mudança é a consequencia do crescimento. 

O que motivou o autor a escrever sobre tal assunto foi a pergunta feita por um leitor, cuja "dúvida estava diretamente relacionada à incompreensão dos outros, no meio em que ele vivia, sobre suas verdades…"
Muitas pessoas interrompem relacionamentos por absoluta obtusidade e falta de visão Cósmica. Alguns continuam achando que o amor faz toda a diferença. e Saul acha que o que faz toda diferença não é o amor, mas é o Respeito com que aplicamos o amor.
Considera que a partir do momento em que há um posicionamento, um assumir determinados valores vitais e respeito pelas escolhas e capacidade de cada um, passa a perceber e aceitar que nada acontece por acaso. Vendo dessa maneira a convivência passa a ser muito melhor e compensadora.

Segundo ele, poucos conseguem enxergar isso. E continua: "Alguns chamam de coincidência o fato de pensar em uma pessoa e depois se encontrar com ela. Alguns chamam de sorte uma pessoa ganhar na loteria, só que nunca apostam. Sorte é quando merecimento e oportunidade chegam juntos.
Alguns acham que é maré de azar quando as coisas vão mal. Não é maré de azar. É colheita. É o retorno daquilo que plantamos anteriormente. Lograr alguém e achar que passaremos impunes é o mesmo que cair no conto de comprar o bilhete de loteria premiado".

Afirma ser "fundamental para todos nós entendermos, enxergarmos, que não é deus que quer isso ou aquilo. Somos nós que pensamos, falamos, temos atitudes. Aqui começa o nosso destino". Entender isso corretamente é assumir uma forma positivia perante a vida e ajuda a sueprar a depressão.
É importante fazer uma introspecção, uma verdadeira viagem interior e buscar analisar as suas verdades. "Somos fruto destas verdades. É através delas que enxergamos a vida. Se elas, ou algumas delas estiverem equivocadas, precisam ser eliminadas e substituídas por verdades que possam preencher a nossa alma com a necessidade atual".
"Se compararmos este exemplo com um jogo de POKER, este seria o momento de trocar e pedir novas cartas. Ficamos com as que cremos serem as corretas. As outras precisam ser descartadas para que novas surjam com muita fé e esperança para podermos compor o novo jogo da vida". Se queremos coisas novas, nossas convicções e comportamentos precisam ser novos.

"Outro ponto fundamental é que ninguém, olhando para a mesma direção, vê a mesma coisa. O Cenário se descortina conforme a nossa energia do momento. É vital, desta forma, cuidar para que nosso cérebro produza boas energias. E isso só vai acontecer se nossas verdades estiverem sintonizadas com as nossas atuais necessidades de vida. Os outros não são iguais a nós. É hipocrisia e idiotice querer e buscar isso, uma bela combinação sobre como não compreender a vida".

Neste caso vale a citação: PIOR CEGO É AQUELE QUE INSISTE EM NÃO VER.
E eu concluo com as palavras de Sau: "
Sei que nos veremos.
Beijo na alma".

Anúncios

Sobre joaoloch

Psicólogo. Acupunturista. Quiropraxista, Terapeuta em Florais de Bach e Reiki, Mestre em Educação. Prof. Universitário. Clínica particular de Psicologia e Acupuntura End.: Rua Carlos Gomes, 697 - Vila Williams - Garça SP Fone (14) 34061605
Esse post foi publicado em Psicologia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s