O FIM DO MUNDO

É muito comum ouvirmos boatos sobre o fim do mundo e, normalmente, em tom de ameaça, de urgência para que façamos alguma mudança, se quisermos fazer parte dos eleitos de Deus….! A cada final de século essas notícias se tornam mais incisivas e aparecem mais profetas da derrocada final. Na passagem de 1999 para 2000, que coincidiu com a passagem também de milênio, os anunciadores do fim se tornaram muito mais barulhentos e os medos de muitas pessoas mais intensos. Alguns resolveram até gastar tudo o que tinham, já que não iriam viver mais mesmo. Outros chegaram a se suicidar com o medo do fim. Grande vantagem!
 
Agora estão circulando novamente essas notícias, por causa das profecias anunciadas no Calendário Maia. Como a internete faz circular rapidamente todos os tipos de notícias, principalmente as catastróficas, que chamam mais a atenção, e a divulgação de mais um filme-catástrofe que anuncia 2012 como o Fim do Mundo, coloca lenha na fogueira. Conforme algumas interpretações das professias de Nostradamus, o mundo deve acabar em 21 de dezembro de 2012,  numa série de super-catástrofes sucessivas! Para quem gosta de esperar e anunciar desgraças, é um prato cheio com todos os recheios que estas notícias merecem.

Procurar viver cada momento, usufruindo de todos os bens e belezas que nos proporcionam, é muito melhor que viver com a imaginação em função de possíveis desgraças, estragando o presente e vivendo doentiamente em função de um futuro que não chegou. E pior, deixando-se levar por pensamentos de medo e desesperança. Muitos até se baseiam na bíblia para justificar a expectativa da eminência do fim. E a bíblia lida de forma errada pode mesmo ajudar a ter esses pensamentos. Um tipo especial de literatura bíblica, a apocalíptica (Livro de Daneil, no AT, Apocalípse, no NT, de modo especial), tem esta característica. E quando as pessoas entram em contato com esses livros começam a interpretá-los como estando retratando as realidades atuais, e vão ficando apavoradas. Esquecem que estes livros foram escritos há mais de 2000 anos e que chamavam a atenção para as realidades dos acontecimentos daquele tempo, com a finalidade de desacomodar as pessoas para uma vivência mais conforme a fé e ajudar a interpretar as coisas, percebendo que o poder de Deus sempre vence os poderes mudanos. Então, as realidades da convivência humana de hoje, em vários aspectos, são idênticas às realidades de todos os tempos. Só que muitas pessoas não conseguem entender esse contexto histórico. Então acabam entendendo que aqueles textos foram escritos só para quem vive hoje, como se Deus tivesse montado uma editora e escrito só para nós. É muita pretenção, para não falar muita ignorãncia.

Sobre esses medos espalhados baseados no calendário Maia, este calendário "NÃO termina realmente em 2012! Essa civilização considerava este ano como um ponto importante e determinante que indicaria o fim de um ciclo e o início de outro, na evolução da humanidade. Os Maias registraram o tempo de forma precisa, como poucas culturas fizeram naquela época. Durante o apogeu do império Maia foi criado um calendário, chamado de Grande Contagem. Este calendário iniciava sua contagem do tempo em 11 de agosto do ano 3.114 antes de Cristo. Esta data foi considerada o ‘Ano Zero’ desta era. Este calendário circular que parece um disco de pedra é encontrado nas casas esotéricas, pelo menos em suas inúmeras reproduções. Bem, segundo este calendário, no momento em que acontece o Solstício de Inverno do ano 2012, terminaria a primeira grande contagem, ou seja, terminaria um ciclo de civilização e reiniciaria o ano zero de uma nova era". Isto é, começaria novamente a contagem. Não é o fim do mundo, mesmo na visão Maia, é o fim de um ciclo de contagem. 

Nós temos vários outros calendários com ciclos diferentes. Só para citar alguns: calendário judeu, calendário cristão (não esqueça que 2009 é uma contagem do calendário cristão, que começou a ser contado após Cristo. Não indica o início do mundo, que tem milhões de anos), calendário egípcio….  

"O filme 2012 é mais uma façanha holywoodiana para assustar os incautos e ingênuos que se deixam influenciar facilmente, por causa de sua ignorância! No filme em questão, o ‘deslocamento dos pólos’ seria causa das grandes catástrofes que acabariam por deslocar as placas tectônicas dos continentes com conseqüências desastrosas. O derretimento das calotas polares está realmente acontecendo e este é um fato facilmente comprovado que requer medidas urgentes por parte dos governantes do planeta. O buraco de ozônio faz subir a temperatura que derrete o gelo polar e se o mar subir como está previsto, muitas cidades litorâneas e ilhas rasas irão realmente desaparecer. Esse fenômeno se acentuou consideravelmente por causa da poluição causada pela industrialização dos países ‘civilizados’. É verdade também que alguns cientistas afirmam que está ocorrendo um ‘rearranjo’ das placas tectônicas, e que esse fenômeno causa terremotos e tsunamis, mas isto já não aconteceu inúmeras vezes ao longo da história da humanidade? Por que desta vez isto seria muito pior? Acontecerá, então, o Big One, o grande terremoto que irá destruir a costa oeste dos Estados Unidos? Acontecerão outros tsunamis ainda mais destruidores? Não há como prever com exatidão". (Graziella Maraccini). 

"Além disso, é previsto um estranho alinhamento planetário ou ‘alinhamento galáctico’ que acontecerá pela primeira vez em 26.000 anos. O trajeto do Sol, naquele momento indicado pelo calendário, cruzará um ponto que, visto da Terra, parece ser o ponto central de nossa galáxia, localizado na Via Láctea, entre o signo de Sagitário e o Signo de Escorpião.
Nenhum astrônomo prevê este alinhamento galáctico especial já que este ‘ingresso do Sol em Escorpião’ acontece todos os anos, e não tem nenhum interesse para a astronomia. Somente a astrologia se interessa por esses fenômenos. Somente a astrologia faz uma analogia entre um eclipse solar ou lunar e uma eventual catástrofe!

Para os astrônomos, essas analogias não existem e são consideradas superstições dos povos antigos. Lembrem que o próprio Natal, que festeja o nascimento de Jesus, é uma festa ligada às antigas festas pagãs do Ingresso do Sol em Capricórnio…Os próprios Reis Magos, segundo a astrologia, eram astrólogos que buscaram o nascimento de um Rei por causa de um alinhamento planetário entre Júpiter e Saturno! Se eles fossem astrônomos, não iriam encontrar Jesus!

De qualquer maneira, os estudiosos que se debruçam sobre os relatos deixados pelos Maias, deixam claro que não havia nestes escritos nenhuma previsão de que a humanidade se aproximaria de um ‘fim de ciclo’ neste período de 2012, e é isso que importa neste momento".
Se, astrologicamente, as
eras precessionais se sobrepõem umas as outras, e a Era de Peixes está acabando para dar lugar a Era de Aquário, fato interpretado pelos astrólogos como sendo um período de ‘fim de ciclo’, então, as profecias Maias não seriam diferentes, nem na interpretação astrológica. E para quem não dá bola para a astrologia, então, não há nem o que pensar.
Do mesmo modo que estamos observando todos os dias uma maior intensidade dos fenômenos metereológicos, o aumento das inundações, (que podem ser atribuídos à conjunção entre Júpiter e Netuno), os tsunamis, os terremotos (oposição Urano/Saturno). O aumento da violência e a ausência de respeito às leis e a desordem social, são simplesmente conseqüências dos atos insensatos praticados por uma sociedade doente e pela irresponsabilidade dos governantes, das tomadas de decisão de uma classe política egoísta, ignorante e sem caráter; com uma visão tão mesquinha e imediatista que não percebe nem o mal que causa a si mesma e seus filhos, se é que são capazes de pensar nos próprios filhos. 

A irresponsabilidade dos seres humanos é a causa de nossas desgraças! O mundo, desde que é mundo, sempre esteve em guerra! Sempre ocorreram catástrofes, pois a Terra, esta nave-mãe que nos suporta, como um ser vivo e dinâmico, está dando demonstrações de cansaço e de intolerância! Do mesmo modo que nosso corpo acusa com dores e doenças os excessos de uma vida desregrada, a Terra também está dando seus recados: cabe a nós ouvi-los. 
Enquanto os políticos e empresãrios estiverem falando e diminuir a poluição mas cada um só estiver pensando em crescer e produzir mais, consumir mais, ter mais lucro, aumentar o número de pessoas disponíveis para trabalhos escravos e de fome….será só "conversa para boi dormir". E as consequências continuarão a vir e de forma pesada. Não por castigo de Deus. Por retorno das nossas ações. 

Eu não creio no Fim do Mundo em 21-12-2012! Provavelmente, ainda estaremos festejando o Santo Natal no ocidente, num mundo melhor, se conseguirmos mudar um pouco nossa mentalidade com relação ao universo e convivência entre nós. Pior do que uma destruição rápida seria, então, uma deteriorização lenta, agonizante do planeta, não é mesmo? É urgente que haja um posicionamento nos valores educacionais, desde a forma dos pais orientarem seus filhos e os educadores não terem medo de ajudar seus educandos a enxergarem a realidade de uma forma mais crítica e não só como querem os meios de comunicação que só pensam no lucro e no consumo. 
Em 2012, ainda teremos um céu azul sobre nossas cabeças para nos fazer sonhar, um mar azul profundo para mergulhar nosso corpo e nos refrescar, um campo verde para nos dar alimento e refrigério. Tudo depende de nós. Não podemos, portanto, deixar de fazer nossa parte, todos os dias, procurando desenvolver em nós mesmos a RESPONSABILIDADE SOCIAL".(idem)
Um povo que depreda os bens públicos, que maltrata suas crianças, que polui seus rios e mares, que exaure suas reservas, que não respeita os mais velhos e que não mantém suas tradições, não tem responsabilidade social! Se não mudar esta postura estará mesmo se destruindo. É urgente acordarmos e nos darmos as mãos: faça sua parte! Amar o planeta é amar a humanidade. Lembre-se das palavras de Jesus: "Ame ao próximo como a ti mesmo", esta é a mensagem da Era de Peixes, neste fim de ciclo.

Anúncios

Sobre joaoloch

Psicólogo. Acupunturista. Quiropraxista, Terapeuta em Florais de Bach e Reiki, Mestre em Educação. Prof. Universitário. Clínica particular de Psicologia e Acupuntura End.: Rua Carlos Gomes, 697 - Vila Williams - Garça SP Fone (14) 34061605
Esse post foi publicado em FORMAÇÃO HUMANA. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s