Miguel Nicolelis: cientista brasileiro na comissão de ciência do vaticano

Evangelho de quarta-feira (19-01-2011) – 1ª leit Hb 7, 1-3.15-17; Sl 109; Mc 3, 1-6 – Jesus entrou de novo na sinagoga. Havia ali um homem com a mão seca. Alguns o observavam para ver se haveria de curar em dia de sábado, para poderem acusá-lo. Jesus disse ao homem da mão seca: “Levanta-te e fica aqui no meio!” E perguntou-lhes: “E permitido no sábado fazer o bem ou fazer o mal? Salvar uma vida ou deixá-la morrer?” Mas eles nada disseram. Jesus, então, olhou ao seu redor, cheio de ira e tristeza, porque eram duros de coração; e disse ao homem: “Estende a mão”. Ele a estendeu e a mão ficou curada. Ao saírem, os fariseus com os partidários de Herodes, imediatamente tramaram, contra Jesus, a maneira como haveriam de matá-lo. Recadinho: Jesus dá sempre preferência aos sofredores e marginalizados, aos que têm bom coração. Foi para eles que veio ao mundo! Se sofremos, física ou espiritualmente, busquemos dialogar com ele. Não vai nos curar de males físicos, mas vai semear paz em nosso coração! E isso é tudo. A vida deste mundo é apenas uma passagem para o Pai!

Bento XVI nomeia brasileiros – No dia 6 de janeiro/11 o arcebispo de São Paulo, cardeal Odilo Scherer, foi nomeado membro do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização. Este organismo foi criado pelo Papa em setembro de 2010, com a função de estimular a reflexão sobre os temas da nova evangelização, além de identificar e promover formas e instrumentos para a realizar.

Bento XVI nomeou como membro regular da Pontifícia Academia de Ciências o brasileiro Miguel Nicolelis, professor de Neurociência da Universidade Duke, em Durham (EUA). Nicolelis nasceu São Paulo, em 1961. Recebeu seu diploma de medicina e doutorado em neurofisiologia da Universidade de São Paulo. É professor de Neurociência, Neurobiologia, Engenharia Biomédica e Psicologia da Universidade Duke, co-diretor do Centro de Neuroingegneria Duke, co-fundador e Diretor Científico Lily Safra Instituto Internacional de Neurociências de Natal (Rio Grande do Norte).

Dom Murilo Krieger, novo arcebispo de Salvador – No dia 12 de janeiro/11, o Papa Bento XVI nomeou Dom Murilo Krieger (67 anos), como novo arcebispo de Salvador (BA) e primaz do Brasil. Dom Murilo, até então arcebispo de Florianópolis (SC), substitui o cardeal Geraldo Majella Agnelo (77 anos), que teve sua renúncia aceita por razão de idade. A posse do novo arcebispo está marcada para o dia 25 de março/11. Dom Murilo Sebastião Ramos Krieger nasceu em Brusque (SC), no dia 19 de setembro de 1943. Foi ordenado padre em 1969 e bispo auxiliar de Florianópolis em 1985. Dom Murilo Krieger foi bispo auxiliar de Florianópolis de 1985 a 1991, bispo de Ponta Grossa de 1991 a 1997, arcebispo de Maringá de 1997 a 2002, ano em que foi nomeado arcebispo de Florianópolis. O arcebispo tem dez livros publicados, entre eles “Deixa meu povo ir”, “O primeiro, o último, o único Natal” e “Com Maria, a mãe de Jesus”. Seu lema episcopal é “Deus é amor”. O Cardeal Geraldo Agnelo, que deixa o cargo, entre outras funções, foi presidente da Comissão Litúrgica da CNBB; secretário da Congregação para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos; membro do Pontifício Conselho da Pastoral para os Migrantes e os Itinerantes e presidente da CNBB de 2003 a 2007. Publicou, entre outros livros: “Liturgia, Serviço Cultural do Povo de Deus”; “Pastoral dos Sacramentos” e “Os Sacramentos e os Ministérios de Santo Ambrósio”. 0896. Papa aos muçulmanos: respeitem as minorias! – No dia 10 de janeiro/11, Bento XVI pediu aos países muçulmanos, especialmente no Oriente Médio, mais respeito pelas minorias cristãs, bem como uma maior liberdade religiosa em países de regime comunista, como a China e Cuba. Exortou esses países a promover “a plena tutela da liberdade religiosa e dos outros direitos humanos com programas que, desde a escola primária e no quadro do ensino religioso, eduquem para o respeito de todos os irmãos em humanidade”. Continuou: “Será preciso dizê-lo uma vez mais? No Médio Oriente, os cristãos são cidadãos originários e autênticos, leais à sua pátria e fiéis a seus deveres nacionais. É natural que possam gozar de todos os direitos de Cidadania, liberdade de consciência e de culto, de liberdade no campo do ensino e da educação e no uso dos meios de comunicação”, recordou o Papa, citando mensagem do recente sínodo.

Anúncios

Sobre joaoloch

Psicólogo. Acupunturista. Quiropraxista, Terapeuta em Florais de Bach e Reiki, Mestre em Educação. Prof. Universitário. Clínica particular de Psicologia e Acupuntura End.: Rua Carlos Gomes, 697 - Vila Williams - Garça SP Fone (14) 34061605
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s