Morre um biblista respeitável

 Recordando o biblista Milton Schwantes
– Na madrugada do dia 01 de março/12, faleceu Milton Schwantes, teólogo e pastor da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil. Natural de Tapera, no Rio Grande do Sul, Milton foi um dos principais nomes do método de leitura popular da Bíblia na América Latina e autor de diversos livros, alguns traduzidos em espanhol, alemão e inglês. Formado em Teologia pela Escola Superior de Teologia, em 1970, fez seu doutorado em Bíblia na Universidade de Heidelberg, na Alemanha, e era Doutor Honoris Causa pela Universidade de Marburgo, na Alemanha(2002). O título de sua tese de doutorado foi: “O direito dos pobres”.
Coordenou o projeto Bibliografia Bíblia Latino-Americana e foi editor da Revista de Interpretação Bíblica Latino-Americana. Tem no seu currículo a publicação de vários livros, entre eles “História de Israel”, “As monarquias no Antigo Israel”, “A terra não pode suportar suas palavras”, “Dignidade Humana e Paz”, “Dicionário Hebraico-Português e Aramaico-Português”, esses dois últimos junto com outros autores. Apesar dos vários títulos de Doutor Honoris Causa concedidos por diversas universidades, enquanto teve forças, continuou assessorando grupos e comunidades.
A contribuição de Milton Schwantes à Leitura Popular da Bíblia e à trajetória do Centro de EstudosBíblicos (Cebi) foi muito grande, como lembra a atual diretora nacional da instituição, Adeodata Mariados Anjos. “Ficamos sem mais um profeta”, afirma. Segundo ela, “sua voz silenciou, mas continuaráecoando e transformando corações”. Milton foi um dos primeiros na Escola Superior de Teologia apropor um Curso de Aprofundamento Teológico sobre mulheres no Primeiro Testamento. Desde agosto de 2002, depois de uma delicada cirurgia para retirada de um tumor na hipófise, Milton conviveu com sobriedade com graves limites físicos. Os últimos dois meses passou hospitalizado. Em 2005 Milton participou da Novena da Padroeira, no Santuário Nacional, dando seu testemunho de Fé.
Um profeta – Luiz Silvério deixa-nos seu testemunho sobre a grande figura, ohomem de Deus Mlton Schwantes, que nos deixou no dia 01 de março/12: “Convivia com o MiltonSchwantes na Universidade Metodista, em São Bernardo do Campo (SP), onde ele era professor.Sempre que podia tinha uma palavrinha com ele. Sempre solícito, atencioso, simples para se lidar e com reflexões maravilhosas para a vida, inspirando-se sempre na palavra de Deus Viva. Nos últimos dois anos, em função da cirurgia, tinha muita dificuldade para andar, enxergava 25% com um dos olhos, do outro era já cego. Apesar de tudo isto, ainda dava aulas, discutia, orientava alunos, comparecia àsreuniões de professores e esbanjava felicidade e vida pelo campus da Universidade Metodista. Coisa dearrepiar! Pois bem, ele se foi. Perde-se um profeta, que tinha uma sabedoria admirável, com quemaprendi a sempre dialogar em grupos para refletir a palavra de Deus. Milton soube, o tempo todo, ouviros pequenos e pobres, conviver com os pequenos e pobres, compreender a grandeza de Deus nesteespaço. Sinto muito sua perda. Seus escritos e, principalmente, seu exemplo de vida, continuamconosco”.
Anúncios

Sobre joaoloch

Psicólogo. Acupunturista. Quiropraxista, Terapeuta em Florais de Bach e Reiki, Mestre em Educação. Prof. Universitário. Clínica particular de Psicologia e Acupuntura End.: Rua Carlos Gomes, 697 - Vila Williams - Garça SP Fone (14) 34061605
Esse post foi publicado em FÉ E VIDA, Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s