MORTE DO CARDEAL

Falecimento do Cardeal Dom Eugênio de Aráujo Sales

No dia 9 de julho de 2012, faleceu no Rio de Janeiro (RJ), o Cardeal Dom Eugênio Sales (91 anos). Será sepultado hoje, dia 11, na Catedral do Rio de Janeiro. O governador do Estado Sérgio Cabral decretou luto oficial de três dias.
Dom Eugênio tinha 68 anos de sacerdócio, 58 de bispo e 43 de cardeal. Foi nomeado bispo em 1954, aos 33 anos, pelo papa Pio XII. Em sua vida sagrou 22 bispos e ordenou 215 sacerdotes.
Dom Eugênio foi o criador das Comunidades Eclesiais de Base e da Campanha da Fraternidade. Foi um dos primeiros bispos brasileiros a implantar o Diaconato Permanente, o ministério clerical que pode ser concedido a homens casados, segundo a restauração do Concílio Vaticano II. Foi também membro de onze congregações no Vaticano.
Em 2004, foi o Enviado Especial de João Paulo II para as comemorações do 1º Centenário da Coroação Pontifícia da imagem de Nossa Senhora Aparecida.

 Dom Eugênio de Araújo Sales e a ditadura no Brasil

Um capítulo importante da vida de Dom Eugênio remonta à ditadura, quando atuou, de maneira silenciosa, abrigando no Rio de Janeiro mais de quatro mil pessoas perseguidas pelos regimes militares do Cone Sul, entre 1976 e 1982, especialmente argentinos.
Para dar conta de tantos pedidos, autorizou o aluguel de quartos e depois apartamentos. A ajuda incluía dinheiro para gastos pessoais, assistência médica e auxílio jurídico. Em entrevista ao jornal “O Globo”, em 2008, Dom Eugênio contou por que agiu nos bastidores: “Se eu anunciasse o que estava fazendo, não tinha chance. Muitos não concordavam, mas eu preferia dialogar e salvar. Eu não tinha nem nunca tive interesse em divulgar nada disso. Queria que as coisas funcionassem, e o caminho naquele momento era esse, o caminho de não pisar no pé do governo”.
O arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta, ressaltou que Dom Eugênio “era um homem de Deus e serviu a Jesus Cristo. Sempre esteve presente nos momentos importantes do Brasil,
principalmente na questão dos refugiados e na defesa dos perseguidos e teve presença marcante na Igreja do Brasil e do Vaticano. Trabalhou em educação de base e na evangelização nas arquidioceses do Rio de Janeiro, Natal (RN) e Bahia. Ele nasceu em Acari, no Rio Grande do Norte. Foi alguém que sem dúvida soube viver dando continuidade aos ensinamentos do Evangelho”.

Cardeais da Igreja Católica

Hoje o Brasil possui nove cardeais: Dom Paulo Evaristo Arns,
Arcebispo Emérito de São Paulo; Dom José Freire Falcão, Arcebispo Emérito de Brasília; Dom Serafim Fernandes de Araújo, Arcebispo Emérito de Belo Horizonte; Dom Eusébio Oscar Scheid, Arcebispo Emérito do Rio de Janeiro; Dom Cláudio Hummes, Arcebispo Emérito de São Paulo; Dom Geraldo Majella Agnello, Arcebispo Emérito de Salvador; Dom Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo; Dom Raymundo Damasceno, Arcebispo de Aparecida e Presidente da CNBB; e Dom João Braz de Aviz, Prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica. Os cardeais da Igreja Católica no mundo são hoje 208. Destes, 121 podem participar de uma eleição do Papa; 87 estão com mais de oitenta anos.

Anúncios

Sobre joaoloch

Psicólogo. Acupunturista. Quiropraxista, Terapeuta em Florais de Bach e Reiki, Mestre em Educação. Prof. Universitário. Clínica particular de Psicologia e Acupuntura End.: Rua Carlos Gomes, 697 - Vila Williams - Garça SP Fone (14) 34061605
Esse post foi publicado em Igreja e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s