VINDE E REPOUSAI

nº 1245

Pe. Luiz Carlos de Oliveira, Redentorista

“Vinde e repousai um pouco”

Um ser humano por inteiro

Nosso mundo cresce. Imaginemos que tudo o que se conquistou, esteja apenas no início. O ser humano continua na busca do mapa do tesouro para grandes descobertas. Essas riquezas nos invadem como uma onda que nos deixa pequenos. E Deus continua a nos dar uma pista para que o mundo seja ainda maior: Ele criou, conforme a narração bíblica, o mundo em seis dias e no sétimo descansou de toda obra que fizera: “Ora, havendo Deus completado no sétimo dia a obra que tinha feito, descansou nesse dia de toda a obra que fizera. Abençoou Deus o sétimo dia, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que criara e fizera” (Gn 2,2-3). O mundo e a pessoa têm o ritmo do dia e da noite, dos tempos e das épocas. O livro do Eclesiastes ensina que há tempo para tudo. A própria terra descansa. A lei do Antigo Testamento sobre o descanso dá ao homem o descanso semanal e mesmo à terra um tempo de descanso: “No sétimo ano haverá um descanso solene para a terra, um sábado ao Senhor; não semearás o teu campo, nem podarás a tua vinha” (Lv 25,4). A natureza tem seu ritmo. Não respeitá-lo tem seu troco. O ser humano tem um ritmo que promove a vida. Ao respeitá-lo estamos promovendo em sua integridade. Além disso, é completo como natureza corporal e espiritual. Já temos a afirmação segura que a graça supõe a natureza. Não podemos fazer uma vida humana sem o espiritual nem levar adiante uma boa espiritualidade sem o respeito ao corpo, à matéria e às tendências que possuímos. As paixões são boas, basta domesticá-las para o bem. O equilíbrio da pessoa supõe e exige que se promova o espiritual, pois o ser humano é também espiritual por sua natureza. O justo equilíbrio dá vigor ao ser humano. Pe. Antônio Borges, redentorista, diz em seu diário, que se levantava cedo e se dedicava a cuidar de sua alma, depois trabalhava o resto do dia. O encontro com Deus na oração repousa e reconstitui o corpo cansado. A oração do dia a dia será sempre um descanso. Deus descansou quando fez o mundo. Por que não seguir o projeto e destruir a obra?

 Deus é meu descanso

Um coração centrado no único necessário é um coração e um corpo prontos para grandes empreendimentos e fortes trabalhos. A vida espiritual é o maior repouso que nos damos. Nós nos cansamos muito com as atividades. Se nós as acompanharmos com a fonte de nosso descanso, a vida será muito mais fácil, mesmo no meio dos sofrimentos. Deus não tira nossas dores, quer que as passemos com Ele. Não podemos ouvir aquela frase do salmo 94: “Não entrarão no lugar do meu repouso”. Os grandes personagens sempre se dedicaram a bons momentos de meditação. Temos que chegar ao que nos conta o salmista: “Minha alma está em mim como uma criança amamentada e adormecida” (Sl 131,2).

Um direito que é um dever

Há momentos em que não temos outro lugar para descansar a não ser nos braços de Deus. Descansar é um direito e um dever. É um direito que todas as leis devem cumprir e todos nós devemos acolher. Pela experiência sei que, quando a gente não dá conta de parar, é porque já passou da hora. Infelizmente é difícil saber parar. Exigimos muito de nós mesmos e dos outros, quando o rendimento está no equilíbrio. Diz o salmo: “No sossego e na confiança estará a vossa força. Mas não quisestes” (Sl 30,15). Mesmo o divertimento deve ser regulado com o descanso. Descanso não é só parar de trabalhar, mas dedicar-se ao essencial: dar vida ao coração. Muitas males desapareceriam. Entra minha alma no teu sossego. Jesus convida: “Vinde a um lugar deserto e descansai um pouco” (Mc 6,31).

Anúncios

Sobre joaoloch

Psicólogo. Acupunturista. Quiropraxista, Terapeuta em Florais de Bach e Reiki, Mestre em Educação. Prof. Universitário. Clínica particular de Psicologia e Acupuntura End.: Rua Carlos Gomes, 697 - Vila Williams - Garça SP Fone (14) 34061605
Esse post foi publicado em Espiritualidade. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s