Desespero e busca

Quando estamos desesperados é muito fácil procurarmos a coisa errada no lugar errado. Nessas situações podemos “por os pés pelas mãos” e nos prejudicarmos mais ainda em vez de nos ajudarmos. Ao percebermos isto, o melhor a fazer é parar, tomar pé da situação e, com mais tranquilidade redirecionar a vida ou a busca de uma forma mais equilibrada.
O que não é bom é ficarmos congelados, porque aí estamos matando nossa alma, perdendo nossa alegria de viver. Ficar estagnado é renunciar à vida, renunciar a se sentir vivo. É um direito e um dever procurar e construir situações de vida, de alegria, de realização. Se precisar brigar para romper as amarras que impedem viver, então que se brigue. É melhor que entrar em depressão ou viver como se estivesse morto. Renunciar à vida para parecer bonzinho é um mau negócio, porque não se consegue ser bonzinho e nem viver.

Anúncios

Sobre joaoloch

Psicólogo. Acupunturista. Quiropraxista, Terapeuta em Florais de Bach e Reiki, Mestre em Educação. Prof. Universitário. Clínica particular de Psicologia e Acupuntura End.: Rua Carlos Gomes, 697 - Vila Williams - Garça SP Fone (14) 34061605
Esse post foi publicado em Psicologia e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s