Imaginar e viver

“Diferencie problemas reais de problemas imaginários e elimine-os, porque são pura perda de tempo e ocupam um espaço mental precioso para coisas mais importantes”.
Bom estar atento para diferenciar a imaginação da realidade. Ter uma imaginação fértil é uma coisa. Tratar essa imaginação como sendo real já pode estar beirando uma insanidade. Pode-se criar castelos imaginários, mas não ficar morando neles e nem culpar os demais por causa da sua imaginação. E se você começar a viver só na imaginação, estará perdendo a vida real e o seu sabor que, algumas vezes pode ser amargo, mas também tem doçuras.
Se você se habituar a se alienar das coisas que acha difíceis, refugiando-se com algum anestésico, pode também estar perdendo as chances de usufruir com alegria das boas coisas que todos os dias acontecem na sua vida. Permita-se sentir, mesmo que doa. A dor passa e o bem estar vem e, aí, você também sente. É assim que usufruímos a vida com todas as suas tonalidades.

Anúncios

Sobre joaoloch

Psicólogo. Acupunturista. Quiropraxista, Terapeuta em Florais de Bach e Reiki, Mestre em Educação. Prof. Universitário. Clínica particular de Psicologia e Acupuntura End.: Rua Carlos Gomes, 697 - Vila Williams - Garça SP Fone (14) 34061605
Esse post foi publicado em FORMAÇÃO HUMANA, Psicologia e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s